Please disable Ad Blocker before you can visit the website !!!

Como morar na Holanda

by Kênia Agostinho   ·  8 meses ago   ·  
thumbnail

Guia de conteúdo

Como morar na Holanda

Neste guia sobre Como Morar na Holanda, você irá aprender o que é preciso para imigrar para um dos destinos mais procurados por brasileiros! Prepare-se para conferir aspectos como visto, processo de imigração holandês, particularidades da Holanda e como, de fato, realizar o sonho de morar na Holanda. Boa Leitura!

O que é preciso para Morar na Holanda?

Aprender a se comunicar na Holanda

             A Holanda possui vários idiomas, que, para nós, podem soar um tanto quanto exóticos. É o caso do neerlandês, de origem germânica, e do frísio (que é falado na província de Friesland). Entretanto, não é necessário desesperar-se, pois o inglês marca sua presença na comunicação entre nativos e não nativos da Holanda.

Aprender inglês é essencial para que você consiga se comunicar na Holanda, se caso você não souber falar neerlandês ou frísio. Você pode optar por investir em cursos de inglês particulares, ou utilizar o YouTube como uma verdadeira escola de inglês. Canais como o Inglês de Bolso ajudam milhares de internautas a compreender a língua global.

Definir uma localização

             A Holanda é um pouco menor que o estado do Rio de Janeiro, entretanto, o país possui 12 províncias diferentes. Escolher entre as províncias pode parecer uma tarefa complicada, porém, este guia sobre Como Morar na Holanda irá lhe auxiliar. Não perca as próximas seções.

Conquistar visto

             Bem como validar seu passaporte, quem deseja morar na Holanda precisará de um visto condizente com sua intenção no país. Este visto irá tornar o imigrante legalizado, evitando todos os desastres que a clandestinidade pode causar. Estes são aspectos que devem ser preparados e revisados com muita antecedência. Este guia sobre Como Morar na Holanda irá lhe mostrar os tipos de visto, para que você defina melhor seu propósito de viagem para a Holanda.

 

Tipos de Visto para Imigrar para a Holanda

 

  • Visto de Turismo

Felizmente, os brasileiros não precisam de visto de turismo para visitar a Holanda, graças ao acordo de Schengen. Esta configuração se dá à viagens sem interesses comerciais, com duração de até 90 dias. Ressalta-se que este visto não possibilita ao imigrante trabalhar.

  • Visto de Longa Duração (MVV)

Para viagens acima de 90 dias, a Holanda exige que o imigrante possua um visto de estadia de longa duração, que também é chamado pela sigla MVV. Se você deseja estudar, exercer atividades profissionais, ou se você é cônjuge de um holandês, você deverá solicitar este visto.

  • Procedimento TEV

            Este procedimento é também chamado de Procedimento de Entrada e Residência. Ele permite morar legalizadamente na Holanda, e você poderá solicitar seu TEV junto ao consulado da Holanda mais próximo da sua casa, através do correio ou presencialmente no INS.

Lembre-se: os documentos deverão estar traduzidos em inglês, holandês ou francês.

  • Procedimento REF

Já o procedimento REF, diz respeito às companhias que desejam contratar imigrantes para trabalhar na Holanda. Se o imigrante possui consigo uma proposta de trabalho para trabalhar na Holanda, a empresa responsável providenciará um visto de residência, que permitirá o trabalho legalizado na Holanda.

 

Como é o Processo de Imigração para a Holanda?

Todo processo de imigração inclui uma série de etapas, incluindo etapas íntimas – como é o caso do momento de reflexão e de despedida de amigos e familiares. Sabemos que, muitas vezes, o futuro imigrante não possui visão ampla destas etapas, e portanto, queremos auxiliá-lo nesta importante decisão de morar na Holanda, através de um simples passo a passo.

  1. Conhecendo suas motivações

Esta é a primeira etapa a ser realizada para quem realmente quer morar na Holanda, usufruindo do que o país pode oferecer. Você deverá refletir sobre o que faz, e o que motiva você a querer imigrar para a Holanda.

Os motivos comuns dos imigrantes brasileiros que partem rumo à vida na Holanda são variados, e circulam entre a insatisfação com a qualidade de vida no Brasil e o apreço pela Holanda. Entretanto, são muitos os agentes motivacionais, como por exemplo a busca por uma educação de qualidade.

  1. Refletindo sobre sua personalidade

Imigrar para um país novo é sempre um misto de emoções, nem todas boas, como é o caso da saudade. Tire este momento para analisar como é sua relação com a saudade, e como você iria encarar a vida na Holanda longe de seus familiares e amigos. É suportável? Se sim, passe para a próxima etapa.

  1. Se preparando para o Exame de Integração Civil

Todo processo de imigração tem sua carga burocrática, e a Holanda não é diferente. Atualmente, é necessário realizar o Exame de Integração Civil para conquistar o visto.

O Exame de Integração Civil é um teste onde você será questionado sobre a língua, a sociedade na Holanda, entre outros aspectos do país. Ele é dividido em três partes:

Parte 1 – Conhecimento sobre a Sociedade da Holanda

  • Geografia dos Países Baixos;
  • Sistema Político;
  • O idioma neerlandês e a importancia de aprendê-lo;
  • Criação e educação de crianças;
  • Sistema de Saúde; etc

Parte 2 – Conhecimento de Neerlandês

  • Repetir 12 frases em Neerlandês;
  • Responder perguntas básicas;
  • Responder o antônimo de certas palavras; e
  • Recontar uma história com suas próprias palavras.

Parte 3 – Literacidade e Interpretação de Neerlandês

  • Ler em voz alta séries de palavras;
  • Ler em voz alta textos; e
  • Ler em voz alta frases, completando-as.

Mas não se desespere! O Exame de Integração Civil não exige que você seja um especialista na Holanda, e muito menos um fluente em neerlandês. Com aulas básicas sobre o idioma, você conseguirá se sair muito bem no teste.

Se você não sabe por onde começar, sugerimos iniciar um módulo básico em Neerlandês. Atualmente, você pode estudar o idioma oficial da Holanda online, em sites como o Babbel, por exemplo.

  1. Conquistando o Visto

Como você observou na seção anterior, é necessário conquistar o MVV, ou seja, a permissão de longa estadia na Holanda. Lembre-se de atualizar seus documentos, e também de traduzí-los, para que o processo possa ser realizado sem complicações.

  1. Desfazendo-se de bens materiais no Brasil

Se você deseja morar na Holanda, não fará muito sentido o acúmulo de bens no Brasil. Desapegar-se do que é possível, pode ser uma excelente maneira de arrecadar um dinheiro extra para a viagem. Você pode anunciar seus itens online, em sites como a OLX, por exemplo.

  1. Despedindo-se

Esta, com certeza, é a etapa mais difícil do processo de imigrar. Despedir-se de amigos e familiares é um momento íntimo, e que envolve maturidade emocional. Desejamos que você consiga tornar do momento de despedida, um momento sereno, afinal, você está prestes a começar uma vida nova na Holanda!

As melhores cidades para Morar na Holanda

Você se lembra quando citamos a importância de decidir uma localização que vá de encontro com suas expectativas na Holanda? Este guia sobre Como Morar na Holanda irá apresentar a você uma listagem com algumas das melhores cidades para se morar na Holanda. Confira:

  1. Amsterdã           Amsterdã é a capital da Holanda, e é um dos destinos mais procurados do mundo. Quem deseja ir para a Holanda normalmente escolhe a cidade, que apresenta muitas oportunidades de emprego para estrangeiros.

  2. Haia           Haia abriga o governo da Holanda, e também é conhecida por Den Haag. Haia é recheada com prédios públicos, museus e centros comerciais.

  3. Roterdã           Roterdã, que na Segunda Guerra Mundial tanto sofreu, é fruto de uma reconstrução magnífica. Famosa também por abrigar o maior porto da Europa, você poderá encontrar imensa diversidade cultural na cidade, além de uma excelente universidade na Holanda.

  4. Utrecht           

Utrecht é uma cidade situada no centro da Holanda. Se você deseja uma porta de acesso à outras cidades populares da Holanda, saiba que Utrecht tem um sistema de transporte que interliga várias localidades. Inclusive, Utrecht possui uma das melhores universidades da Holanda: a Utrecht University.

  1. Eindhoven           Abrigando a sede da Philips, Eindhoven é o ambiente perfeito para o desenvolvimento de startups, por conta de seu polo tecnológico. É uma cidade jovial, entretanto, Eindhoven pode ser considerada uma cidade tranquila.

 

Como é Morar na Holanda?

A Holanda oferece uma qualidade de vida impecável. Considerada por muitas fontes um dos países com população mais satisfeita, a Holanda concentra pessoas que sentem-se felizes com vários aspectos do país, como trabalho, saúde, educação e transporte. Inclusive, a Holanda é um dos três países do mundo que mais oferecem harmonia na vida profissional.

  • Clima da Holanda

O clima da Holanda é variável, mas pode-se dizer que o país oferece doses diárias de chuva à seus habitantes. Conhecido como clima “marítimo moderado”, a Holanda sofre influências diretas do Mar do Norte, garantindo equilíbrio de frio no inverno e de calor no verão, além de muita umidade.

  • Idioma

Como você observou, a Holanda tem seu idioma próprio: o neerlandês. Entretanto, o inglês marca sua presença na Holanda também.

É possível dizer que a Holanda possui vários dialetos próprios, pelo fato do país localizar-se próximo da Bélgica e a Alemanha, e portanto, é comum que as regiões mais próximas dos outros países tenham influências linguísticas, assim como termos exclusivos.

 

Quanto Custa Morar na Holanda?

Imigrar para a Holanda é um sonho completamente possível, porém, o imigrante deve atentar-se ao custo de vida no país. Não apenas para cuidar de sua saúde financeira, mas também para manter um padrão de qualidade na Holanda, é importante verificar antes de viajar, quais são as possibilidades de economia no país.

A seguir, você irá observar uma média de custos que o imigrante que pretende morar na Holanda irá deparar-se em seu cotidiano.

 

  • Aluguel na Holanda

Neste caso, é opcional um apartamento ou um quarto apenas, onde luz, água e gás são inclusos.

Você poderá encontrar quartos numa média de €300 à €600 por mês. Já um apartamento com dois quartos em Amsterdam poderá ser encontrado por aproximadamente €1.500, considerando a localização.

  • Transporte na Holanda

Na Holanda, é possível adquirir pacotes mensais, que incluem transporte ilimitado via bus tram, ônibus e metrô. Público geral paga €91 mensais, enquanto estudantes possuem desconto e podem pagar €60 por mês.

Se você desejar economizar e se integrar culturalmente à população da Holanda, vale pensar no uso de bicicletas, levando em consideração que as ruas são totalmente preparadas para este meio de transporte.

  • Seguro Saúde

O Seguro Saúde da Holanda pode custar em média €100, sendo variável entre idade e gênero.

  • Contas

As contas são outro aspecto que influenciam bastante na decisão de morar na Holanda. Você poderá pagar, em média, €300 em conta de água, luz, gás e aquecimento.

 

Vantagens e Desvantagens de Morar na Holanda

Para lhe auxiliar em sua decisão de ir Morar na Holanda, este guia sobre Como Morar na Holanda preparou uma lista incrível sobre as vantagens e as desvantagens de imigrar para o país dos moinhos.

Lembre-se de refletir sobre os prismas das questões levantadas nesta seção, pois alguns apontamentos podem simbolizar o contrário em seu conceito. Confira:

Vantagens

✓ Baixa Criminalidade

Se você vive em estados com grande índice de criminalidade no Brasil, a diferença da segurança entre Brasil e Holanda poderá surpreendê-lo positivamente.

Na Holanda, é comum que as pessoas vivam com a porta de suas casas abertas, e ainda existem lojas sem vendedor, onde o cliente apenas deposita o dinheiro de sua compra. Inclusive, existe um índice de segurança na vizinhança.

✓ Baixo Índice de Corrupção

A Holanda é um dos países menos corruptos de toda a Europa, e do mundo. Mundialmente, a Holanda ocupa a posição de 7º país menos corrupto. Ou seja, o dinheiro investido em impostos é devidamente direcionado para a educação, saúde, e outras áreas do país.

✓ Estações bem definidas

Sabemos que para muitas pessoas, o clima é um item de extrema importância. Na Holanda, o habitante poderá contar com estações bem definidas, o que facilita o cultivo de plantas e a compra/ uso de roupas sazonais.

 ✓ Rede de Ciclovias

Como dissemos anteriormente, um dos meios de transporte mais utilizados na Holanda é a bicicleta. Levando em consideração este fato, a Holanda é totalmente preparada para o trânsito de ciclistas.

 

Desvantagens

Individualismo

A pouca empatia da população da Holanda é um aspecto que incomoda muitos imigrantes.

Língua

            Esta é a principal dificuldade dos imigrantes que desejam morar na Holanda. Os holandeses falam inglês, porém, a língua materna é o neerlandês, e portanto, é comum ouvi-los falando este idioma com mais frequência que a língua inglês.

Dias cinzentos e com vento

            O clima é um fator que muitas vezes é determinante na decisão. Saiba que na Holanda, você poderá encontrar com muita frequência dias chuvosos e cinzentos.

 

Como é o Sistema de Saúde da Holanda?

Aprender sobre o sistema de saúde da Holanda é de extrema importância, se você pretende morar no país. Nesta seção, irá ser abordado os aspectos principais sobre como a saúde é encarada na Holanda.

A princípio, não há sistema de saúde público na Holanda, e ter um seguro de saúde é obrigatório a todos os residentes, sendo passível de multa. O governo realiza sua participação junto às seguradoras de saúde, definindo aspectos de cobertura. É importante ressaltar que crianças de até 18 anos não pagam seguro de saúde.

A população da Holanda possui médicos de família (huisarts), ou seja, um profissional que conhece seu histórico médico e acompanha você/ sua família. O médico de família encaminha o paciente a outras especialidades, caso se faça necessário.

Em casos de emergência, uma particularidade da Holanda é que não se vai ao Pronto Socorro diretamente. O médico de família solicita o detalhamento da emergência, e por fim encaminha o paciente ao Pronto Socorro, que não possui filas gigantes.

 

E Como é o Transporte da Holanda?

 Por se tratar de um país relativamente pequeno, a Holanda possui seu transporte bem servido, que por sua vez é bem integrado.

O transporte público é composto por trams (bondes), ônibus, metrôs e balsa. Há três principais companhias de transporte em Amsterdam: a GVB, Connexxion e a NS.

É importante ressaltar que o transporte público não funciona 24 horas, mas até aproximadamente 1 hora da manhã. Os horários variam entre pontos e estações.

Para andar de transporte público na Holanda, você poderá adquirir cartões temporários, cartões recarregáveis e cartões integrados NS e GVB. Eles são comprados diretamente nas lojas das companhias, espalhadas pelas cidades. Para usar os cartões, é semelhante ao Brasil: existem leitores no veículo, que fazem o “check in”, e é necessário apenas encostar o cartão.

Curiosidades da Holanda

 Agora que você sabe como é morar na Holanda, e como as coisas funcionam neste país tão interessante, que tal aprender algumas curiosidades sobre a Holanda? Confira:

 

A cidade de Amsterdã tem 1281 pontes, e aproximadamente ¼ dos países baixo fica abaixo do nível do mar;

O parto domiciliar é extremamente comum na Holanda, e cerca de 35% dos bebês nascem em suas casas;

 Os holandeses têm muito apreço pelas “drops” – balas salgadas;

 A culinária holandesa é bem diversificada. O povo costuma comer verduras e legumes, além de possuir um alto consumo de batatas;

✓   Os holandeses são um dos povos mais altos do mundo; e

✓   O nome oficial do país é Países Baixos.

 

Dica Extra

Muitos que desejam sair do Brasil perguntam quais melhores paises para se imigrar. Confira neste Como Morar em Portugal

 

 

 

Deixe uma resposta